sexta-feira, 30 de agosto de 2013

PROCURANDO VIVER MELHOR


O livro de Levítico todo registram leis que eram impossíveis de serem cumpridas para qualquer ser humano. De fato, posteriormente, Paulo declara que a Lei colocou todo mundo debaixo do pecado e da condenação, inclusive os judeus zelosos da Lei!(Romanos 10:5 e Romanos 14) 

A lei serviu como aio para nos conduzir a Cristo (Gálatas 4). Muita presunção o ser humano acreditar que pode e consegue guardar a Lei. Nem Paulo, fariseu de fariseus, seguidor de Gamaliel, circuncidado no 8º dia, filho da tribo de Benjamim, admitiu sua equivocada tentativa de guardar a Lei.

Hoje encontramos, ridiculamente, esses tipos de cristãos dizendo que guardam a Lei, principalmente os Adventistas do 7º dia! 
Ridículo! 
Querem contradizer Paulo com que intenção? 
Fazem uma tremenda confusão entre leis civis, morais, éticas e religiosas!?
Para nós, a Lei de JESUS CRISTO é o amor! (Romanos 13: 8 a 10) Basta amar o próximo, que se cumpre a lei. A lei do novo testamento para nós é: 
1º) AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS 
2º) AMAR TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO.

A paz resulta em três situações: 
1º a minha relação com DEUS; que foi resolvido na cruz;
2º a minha relação com o próximo;
3º a minha relação comigo mesmo. 

Temos que perdoar e esquecer o passado, viver somente o hoje, o agora. 

(Romanos 8:33 e 34) Deus justifica os seus escolhidos, Jesus fala com Deus e intercede por nós. A graça de Deus opera conforme o nosso coração. 
Judas por exemplo, tinha um, coração ruim, traiu Jesus e morreu. Pedro era ao contrário, coração bom, disse a Jesus que passaria tudo por Ele, e com Ele, e Jesus lhe respondeu: "depois do que fará há algumas horas, depois da burrada que vai cometer, se converte e fortalece seus irmãos". Pedro sucumbiu e na hora do aperto negou Jesus por três vezes. 

Na graça ninguém paga pecado, sofremos as consequências de nossas ações, e Deus usa dos nossos pecados, para adubar a nossa fé. Erramos quando valorizamos o que não presta, o que as pessoas nos fazem de mal,o que elas nos falam e assim nos ferem.

Deus declara que não precisamos de ninguém para falar; vamos esquecer o que passou, para não alimentar essa entidade que nos atormenta. 

Pesquisas revelaram que a maioria das pessoas vivem 75% do passado, 25% do futuro e 5% do presente. Precisamos esquecer o passado, perdoando-o, para não levarmos essa pessoa que nos feriu conosco, ao contrário isso se tornará um cadáver, que vai apodrecer e nos fazer muito mal. Em Romanos 8:26 a 28 diz que o Espírito Santo intercede por nós e habita dentro de nós. 

Temos que perdoar a todos que nos magoaram e quem nós magoamos também, afinal todo mal que nos fazem e que fazemos, é algo que trás muita dor.

Reinaldo de Almeida
Redigido por Célia Vaz.

Nenhum comentário: