sexta-feira, 11 de março de 2011

Deixados para trás fail 3

Deixados para trás fail 3


Por Marcelo Lemos

demência escatológica nunca dá sossego. É só uma questão de tempo, e o “lado negro da força” sempre implementa novo ataque. Não importa quantos predisseram o retorno de Cristo, e falharam vergonhosamente, sempre tem mais alguém disposto a ser “deixado para trás”. Vamos conhecer um pouquinho mais dessa inglória saga de 'fé'.

Episódio de Hoje: “Santo Irmão Aldo”

Quando escrevi o primeiro artigo desta série, no qual apresentamos aos leitores a inusitada “Igreja Apostólica Santa Vó Rosa” (leia aqui), teve gente que pensou tratar-se de brincadeira... O episódio de hoje vai contar algumas informações sigilosas sobre o Santo Irmão Aldo, sucessor de Vó Rosa.

Antes de prosseguirmos, quero agradecer ao IR. STRAUSS (pseudonimo), ex-membro da seita (que se autodenomina “Ex-fanático”), e que voluntariamente se dispôs a nos repassar algumas informações sobre o 'Santo' em questão. O texto a seguir é depoimento dele enviado a nós, lá no blog Olhar Reformado, via e-mail. Há algumas informações no depoimento que dizem respeito a Polícia, as quais o irmão que as enviou garante já estar em juízo. Evidentemente, caso algum representante da seita queira apresentar argumentação contrária, terá o devido direito de resposta.

Por este depoimento, descobrimos que os fiéis da seita não foram “deixados para trás” apenas com crenças fajutas, deprimentes e heréticas, mas também, acompanhados por um pregador legalista e espertalhão. Coisas que, nunca é exagero lembrar, sempre acompanham lideres exclusivistas e paranoicos escatológicos, quando se tem a sorte de não terminar em tragédias maiores!

Quando nasci, meu pais já pertenciam a essa igreja, sendo que permaneci lá por vinte e sete anos, acreditando cegamente em tudo que lá era pregado, pois é ensinado que constitui pecado e até mesmo blasfêmia, qualquer questionamento sobre a "santidade" da Vó Rosa e do Irmão Aldo.

Somente a aproximadamente dois anos é que começaram a surgir as primeiras denúncias sobre os sujeira que é os bastidores da Igreja Apostólica, então fui atrás de provas sobre essas denúncias, até então duvidando que fosse verdade. Tal foi minha surpresa quando constatei que o "santo Irmão Aldo" era na verdade o maior criminoso que já conheci, pois além de roubar as ofertas da igreja para enriquecimento de sua família (possui um capital de aproximadamente 7 milhões), mantém diversas amantes com esse dinheiro, inclusive algumas que freqüentam a igreja fingindo ser apenas mais uma fiél.

Ele se intitula o maior profeta de todos os tempos, e tem o costume de atender as moças e mulheres  em uma sala reservada dentro da sede da igreja, (na rua Baguari, 158 - Tatupé - São Paulo - capital) onde com a desculpa que irá curá las de seus problemas, fala pra elas que possuem caroço nos seios ou mioma no últero, e que precisa tirar a doença, então começa a apalpá-las chegando até mesmo a abusar sexualmente de algumas delas. Oito mulheres que foram abusadas dessa forma o denunciaram na justiça, e enquanto o processo corre e esse bandido continua solto, milhares de pessoas simples e humildes continuam lá adorando esse bandido e contribuindo com seus dízimos.

O pior é que muitas familias estão sendo destruídas por causa dessa heresia, como exemplo, o que ocorre na minha família onde minha mãe deixou de falar comigo e com meus irmãos porque saímos da igreja, pois é ensinado que os "verdadeiros apostólicos" devem desprezar quem quer que seja que se rebelar contra o "irmão Aldo".

Se o senhor puder publicar algo a respeito de tudo isso, estará ajudando a divulgar essa podridão e libertar as quase 25 mil pessoas que ainda estão cegos por essa heresia adorando esse bandido.

Aí está a denuncia. Quero informar aos leitores que entrei em contato com a seita, por meio do correio eletrônico, esperamos que a mesma venha se pronunciar sobre o caso. Nosso querido IR. STRAUSS é grande conhecedor do grupo, tendo estado dentro do mesmo por quase três décadas. Aguardem, novas informações sobre a seita estão a caminho. 

Marcelo Lemos, do Olhar Reformado, que promete botar subversão pra cima do falso santo, com a ajuda do Genizah

Um comentário:

Martinho disse...

Começaram uma intensa campanha na Igreja Apostólica para que os "apostólicos" simplesmente ignorem qualquer "comentário maldoso" contra o "santo profeta" na internet. Estão tentando blindar o povo contra a verdade aqui exposta.