quarta-feira, 7 de abril de 2010

A Bíblia é culpada


Martinho Lutero, o reformador do cristianismo,  disse certa vez: “A Bíblia é a mãe de todas as heresias”.

É nela que muitas vezes baseamos nossa teologia sem misericórdia, sem amor e sem compaixão; afinal de contas,  já dizia o apóstolo Paulo: “A letra incha!”. Ela incha e mata mesmo! ( A Idade Média que o diga!) – João 6: 63; I Coríntios 8:1

Porque para os teólogos de plantão, os modernos “bereanos”, os apologetas de Deus, só vale o que está “escrito” (e conforme o que “ortodoxalmente”  interpretamos!): a letra literal da Bíblia e não o Espírito da Palavra.

O interessante é que toda interpretação que os escritores do “novo testamento” davam para certas passagens do “antigo testamento” (porque nem essa divisão teológica existia na cabeça deles!), não obedeciam nenhuma norma exegética ou hermenêutica que se usam hoje nos seminários. A chave hermenêutica deles era o cumprimento ou a relação que o texto tinha com Jesus!

Então em nome da Bíblia se mata, se faz guerra “santa”, se estabelece o tribunal da “santa” inquisição, se estabelece o certo e o errado, a verdade e a mentira, o que “está escrito e o que não está escrito”.

Então, a Bíblia se torna “culpada” para muita gente.
Coloco então a Bíblia sentada no banco do réu para se defender, e ela se defende dizendo:
 
- “Eu não vim para dar testemunho de mim mesma, eu sou testemunha de Jesus”. (Lucas 24:27; João 5:39b).

-“Vocês se enganaram pensando que eu vim para dar testemunho de mim mesma!”( Marcos 12:24)

- “Erraram acreditando que ao me estudarem, encontrariam a vida eterna, a Vida  Eterna está em Jesus!” (João 14: 6,7)

- “Jesus deixou bem claro que eu só existo para dar testemunho d’Ele” (João 5:39,)- "Aliás, tem outras testemunhas d’Ele bem maiores do que eu:


Tem Moisés ( João 5:46).


Tem um profeta, um tal de João Batista, primo d’Ele (João 5: 32-35).


Tem “as  obras dele”, elas também dão testemunhos d’Ele (João 5:36).


Tem até o Pai d’Ele para testemunhar por Ele! (João 5: 37 – Mateus 17:5) 

Tem os seguidores d’Ele também que até morreram por causa disso! (II Pedro 1:18)

"O problema é que vocês insistem em me separar d’Ele! Eu sem Ele sou uma déspota sanguinária porque fico à mercê de gente gananciosa e sem compaixão como vocês!”.

“Eu sem Ele (Jesus) tomo a forma de quem me manuseia. Vocês ainda não entenderam isso? Não perceberam isso?”.

"Não me culpem por algo que eu não fiz e não sou!”.

“Se Ele não abrir o entendimento de vocês pra isso, vocês NUNCA vão me entender direito!” (Lucas 24: 45).

“Eu só existo em função d’Ele”. (João 1:1)

“Ele (Jesus) me explica, porque antes de Gutenberg me criar, Ele já existia!”  (João 8:58).

"A culpa de tanta matança e divisão em meu nome, não é minha, é de vocês!”.

Reinaldo de Almeida

Nenhum comentário: