quarta-feira, 10 de novembro de 2010

A linearidade do tempo e as Escrituras

 




     De tempos em tempos, surge algum doido ou doida profetizando o fim do mundo ou a volta de Cristo à Terra. Sempre se basearão em acontecimentos catastróficos ou em textos tirado da Bíblia. Essa presunção de marcarem esse evento futuro, não é só fraqueza de grupos religiosos como as Testemunhas de Jeová ou da Igreja Adventista do Sétimo Dia.  
     No meio da igreja evangélica, principalmente entre os grupos pentecostais, desde Valnice Milhomens e companhia limitada, até os Inri Cristos da vida, vêem cometendo esse erro repetidamente. 

    Creio que um dos maiores problemas relacionado à isso é a questão do condicionamento linear do tempo que estamos costumados a ler as Escrituras. Mesmo nesse exato momento, enquanto escrevo, as palavras só podem ser ditas em forma linear. Se eu tivesse um "flashback" agora, teria que narra-lo linearmente aqui em meu texto. Se eu não avisar que aquele flashback foi simultâneo ao momento que eu escrevia, você o interpretaria de forma linear.

   Estamos "presos" física e materialmente ao passado, presente e futuro. E nossa teologia e interpretação dos textos Bíblicos é o tempo todo linear. Arranjamos as profecias bíblicas de forma que elas se encaixem linearmente às nossas lógicas e razões somando a isso os acontecimentos históricos e geográficos nelas. Ignoramos os "fashbacks" nas escrituras, principalmente no Apocalipse. 
     Os Maias, povo tribal meso americano baseava seu calendário nos ciclos espiral do tempo, ou seja, o tempo é mais ciclico espiralado do que linear. Basta olhar para a forma espiral do macro-cosmo, as galáxias são espiraladas. Um olhar para o micro-cosmo de um dna, a forma espiral nos é apresentado novamente. 
     Agora, há uma uma terceira questão fora os flashbacks e o tempo espiralado do Universo, para        Deus o tempo é! 

       Deus "é"!

     A eternidade cabe dentro de Deus! Nesse sentido o tempo eterno se limita em Deus!
    Então, existem "tempos" na bíblia que estão no linear, no flashback, no espiral e no tempo "é" de Deus.

     E essa percepção ao ler as Escrituras precisa ser retomada e respeitada quando investigamos e meditamos nas palavras escritas de Deus. 
      Bendita confusão! 
    Assim, aquela hora ninguém sabe, nem anjos, nem homens, nem arcanjos e nem querubins.

Pense nisso!

Reinaldo de Almeida

Um comentário:

Eduardo Zé disse...

Ei te vi postando um comentário no genizah, gostei do seu blog, realmente perdemos o foco de que a simples e pura palavra de Deus já nos basta, já é suficiente, não sou da quadrangular, nunca fui nela na realidade, o máximo de contato, foi uma tal de vigília da cura, que aconteceu há mais de 10 anos, não sou desigrejado, pra matar a curiosidade, sou congregacional. Sou totalmente contra qualquer tipo de heresias, até aquelas da minha igreja.
Visite e siga o meu blog:
intoleranteebitolado.blogspot.com